Missão de Natal – II

janeiro 12, 2008 às 1:31 am | Publicado em Compras, Festas, Miss Ginsu | 2 Comentários

Desculpem-me. Sei que fiquei de aparecer na semana antes do Natal pra relatar sobre o primeiro dia da batalha, mas ficou tudo tão corrido com compras, chegada de parentes, trabalho e festas que não deu. Por isso, cá estou eu hoje pra cumprir o prometido – antes tarde do que nunca.

No dia 15, sábado, lá fomos eu e minha mãe às compras. A dificuldade começou em achar lugar pra estacionar – sem vaga na rua e os estacionamentos pagos lotados. Depois de muito rodar, achamos uma vaga. Íamos andar um pouco mais, mas a essa altura do campeonato quem se importava? Aqui na minha cidade sofremos com um grande problema: camelô demais. É barraca pra cá, barraca pra lá, no meio das ruas fechadas para trânsito de pedestres, nas calçadas. É tanta barraca que você mal consegue ver o nome das lojas – se você não souber exatamente onde fica a loja que quer ir, esqueça! Para nossa felicidade, nós sabíamos.  

Chegando à frente da loja, o susto: como entrar naquele mar de gente? Eu já fui logo cutucando minha mãe: “A senhora já viu o tamanho daquela fila pra pagar?”. Lógico que eu tive a grande sacada do dia – olhar as coisas que iríamos comprar e voltar no dia seguinte (domingo). Com certeza ia estar mais vazio. Dito e feito.

Olha, domingo é O Dia pra fazer compras no centro nessa época. Poucas pessoas aproveitam, você tem mais tempo pra escolher, praticamente não pega fila, encontra bons estacionamentos e sem falar que, se resolver colocar na rua, nem precisa ter o cartão zona verde.

Bem, o primeiro dia de batalha acabou se transformando em dois. Isso na primeira parte, é claro. Eu ainda acabei enfrentando o centro/caos no outro fim de semana – 21, 22, 23 e 24/12. Sim, quatro dias direto. Mas sobrevivi. Às compras, aos parentes, às festas.

A todos nós, um excelente 2008.

Missão de Natal – I

dezembro 14, 2007 às 6:08 pm | Publicado em Compras, Miss Ginsu, Natal | 4 Comentários

Fim de ano é sempre a mesma coisa – ruas e lojas cheias, shoppings lotados de pessoas sem educação nenhuma e ainda munidas de crianças choronas. No fim de Novembro, já estou eu tentando fazer uma promessa:  Esse ano vou fazer as compras de Natal é cedo, logo no início do mês. Pois bem, já se passaram 14 dias de Dezembro e eu ainda nem comecei.  

A minha sorte é que nem tenho tanta compra assim pra fazer. Na verdade sou uma assistente de compras – sirvo como Dama de Companhia, pra carregar pacote e, claro, dar opiniões (que muitas vezes são sumariamente ignoradas). Amanhã começa a batalha. Sim, em pleno sábado. Dia mais cheio que esse só o da véspera do Natal. Aliás, se duvidar, lá estarei eu de novo no dia 24, às 19hrs em pleno shopping fazendo compra de presente para convidado de última hora. Minha mãe é daquelas que não se sente bem vendo alguém sobrando e confesso que também sou assim. É meio que tradição, já. Mas esse ano tentarei comprar uma lembrança de sobra – uma xícara estilo Friends, ou um pacote de meias ou ainda uma caixa de sabonete. Sei lá. Quem sabe eu não escape da ida ao shopping antes da Ceia.

Hoje o texto é pequenino. É só a primeira parte da Missão de Natal. Na semana que vem volto com o relato do primeiro dia no campo de batalha – isso se eu sobreviver, é claro.

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.